sábado, 28 de fevereiro de 2015

Momento lírico 345

ENFIM...
(Karl Fern)

Tantas mulheres no mundo para se amar
Tantas delas na vida seu príncipe a esperar
Meu coração bandido eu não sei por que
Entre tantas perdido foi escolher você!

Esse amor de verdade preferiu desprezar
Minhas juras de amor não quis acreditar
Olvidou os meus sonhos sem ouvir a razão
Converteu minhas preces em mera ilusão.

Depois das esperanças que você me deu
Suas promessas de amor você esqueceu
Mas eu sei que o tempo vai me ensinar
Até eu lhe esquecer só me resta chorar!


3 comentários:

Lucena Fernandes disse...

O poeta está "roendo"?

Anônimo disse...

O poeta está apenas descrevendo o que muitos corações sentem. Este é o dom de ser poeta, adentrar na alma. Rosi

Anônimo disse...

Sei bem o que isso significa! Só eu sei...