sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Sensor nas fraldas

Um invento japonês promete facilitar a vida dos pais de bebês e crianças pequenas: um sensor descartável que pode ser inserido em uma fralda e avisar o momento da troca. O circuito flexível integrado, impresso em filme plástico simples, usa materiais orgânicos. Além do uso em fraldas infantis, a tecnologia pode ser aplicada também em fraldas geriátricas, campeãs de venda no Japão, país com uma grande população de idosos.
As fraldas comuns mudam de cor para indicar quando estão molhadas, mas ainda exigem tirar a roupa do usuário para se checar a necessidade de troca. Com a percepção eletrônica, será possível saber a necessidade de troca sem precisar despi-lo.
O protótipo do sistema desenvolvido também poderá ser usado para monitorar umidade, pressão, temperatura e outros fenômenos capazes de alterar a resistência elétrica. A flexibilidade de uma camada única de filme plástico reduz o desconforto dos usuários, o que significa que pode ser aplicada em um número maior de lugares, oferecendo grande potencial a médicos e cuidadores de monitorar o bem-estar de crianças, idosos e doentes.
Fonte: G1


Nenhum comentário: