domingo, 29 de dezembro de 2013

Horta em casa

Não há nada como o sabor de legumes e verduras frescos, recém-tirados da terra ou colhidos do pé. Além cultivá-los e da conveniência de ter produtos à mão, pode-se reduzir ou mesmo evitar o uso de pesticidas ou fertilizantes industrializados. Isso é bom para sua saúde e para o meio ambiente. E, se você planejar com cuidado, é possível ter verduras e legumes frescos o ano todo.
Observe esses 10 passos para aprender o mínimo que se precisa para se cultivar uma horta artesanal:
1 – Não fazer a primeira horta muito grande (se precisar de mais espaço, aumentar depois);  
2 – Escolher variedades resistentes a pragas, que cresçam bem no clima ou ambiente locais;  
3 – Fazer semeaduras pequenas e sucessivas e usar sementes ou mudas na quantidade necessária.  
4 – Usar adubo vegetal entre as fileiras e entre as plantas para evitar o crescimento de ervas daninhas e se elas aparecerem, arrancá-las imediatamente;  
5 – Garantir sombra para os cultivos feitos no verão com uma tela removível que pode ser retirada quando as plantas estiverem bem desenvolvidas;  
6 – Verificar o crescimento todo dia (5 minutos diários é suficiente para regar, colher o que estiver maduro e procurar pragas ou doenças);  
7 – Aceitar o fato de ter folhas e outras partes da planta que você não vai comer, danificadas, em vez de usar substâncias químicas para o controle de pragas (se precisar de ajuda extra, considere a possibilidade de usar controle biológico ou alguns insetos benéficos);  
8 – Regar no começo da manhã ou à noite, nunca na hora mais quente do dia, pois a umidade se perderá com a evaporação;  
9 – Para obter o máximo dos nutrientes e impedir o surgimento de pragas e doenças, evitar cultivar verduras e legumes da mesma família no mesmo lugar por várias estações seguidas. Por exemplo, não plantar brócolis depois da colheita de repolho – ambos são membros da família das brássicas;  
10 – Plantar flores ornamentais, como lavanda, entre legumes e verduras para atrair insetos polinizadores. Usar também plantas medicinais, como erva-cidreira, nas bordas dos canteiros ou nos cantos dos caixotes. 
Fonte: SALVE O MEIO AMBIENTE e http://www.selecoes.com.br/como-ter-uma-horta-em-casa#sthash.wziqtprX.dpuf


Um comentário:

Anônimo disse...

Uma horta em casa deve ser o máximo! Um dia ainda vou ter uma!

Linda foto!