quinta-feira, 3 de outubro de 2013

O velcro

O velcro foi inventado em 1948 por Georges de Mestral (Nyon, 19 de Junho de 1907 — Commugny, 8 de Fevereiro de 1990), um engenheiro eletrônico da Suíça. Ele inspirou-se após analisar atentamente as sementes de Arctium que grudavam constantemente em sua roupa e no pelo de seu cão durante suas caminhadas diárias pelos Alpes.
Georges examinou o material através de um microscópio e distinguiu diversos filamentos entrelaçados terminando em pequenos ganchos, causando a potente aderência dos carrapichos nos tecidos. Por fim concluiu ser possível a criação de uma material para unir dois materiais de maneira reversível e simples. Desenvolveu o produto e submeteu a ideia para patente em 1951.
O pedido suíço foi seguido por outras patentes nacionais, desta vez através de sua companhia Velcro S.A. A partir do relatório descritivo da patente dos Estados Unidos US 2,717,4372 pode-se ver a aparente simplicidade da invenção. O nome VELCRO é uma referência as palavras em francês velours (que significa veludo) e crochet (que significa gancho).
Atualmente o uso e aplicação do produto são várias, e a palavra velcro tornou-se um termo genérico para referir-se ao material.
Fonte: WIKIPEDIA (http://pt.wikipedia.org/wiki/Velcro)

Um comentário:

Anônimo disse...

PÔXA !!! QUE LEGAL!... Aqui se aprende de tudo um pouco!

Esse blog é demais!