domingo, 11 de agosto de 2013

Erva-Cidreira

O nome científico da erva-cidreira é Melissa Oficinalis e também é conhecida como chá-de-tabuleiro, cidrila, erva-cidreira-de-arbusto, alecrim-selvagem, alecrim-do-campo, cidreira-brava, falsa-melissa, erva-cidreira-brasileira, erva-cidreira-do-campo, cidreira carmelitana, salva-do-brasil, salva-limão, salva-brava, sálvia e outros.
Suas propriedades calmantes e relaxantes são bastante conhecidas. Além disso, a planta é expectorante e diurética, sendo muito utilizada no tratamento de diversas doenças. Também é conhecida como Citronete, é indicada para perturbações do sono, colites, nervosismo, problemas no estômago, dentre outras coisas. Também é indicado pra melhorar a qualidade do sono, porém estes não são os únicos benefícios da erva-cidreira para a saúde.
Em função de estudos químicos do óleo essencial e dos caracteres organolépticos e morfológicos das cidreiras encontradas no Nordeste do Brasil, é possível separá-las em 3 tipos  fundamentais.
Dependendo do tipo, veja abaixo outras indicações:
- Alivia tosses e febre;
- É sedativo e ansiolítico e mucolitico, facilitando a expectoração;
- Previne problemas renais;
- Promove a tranquilidade;
- Tem ação calmante e espasmolítica suaves e atividade analgésica;
- Alivia dores de cabeça, cólicas intestinais e menstruais;
- Previne problemas digestivos;
- Diminui gases.
Há mais benefícios que esse chá possui, mas também contraindicações:  nos casos de alergia à planta e também nos casos de doenças na tireoide.
A erva-cidreira pode ser utilizada tanto no tratamento e prevenções de doenças através do chá, como também na culinária e na aromoterapia. Na culinária a erva-cidreira é utilizada como tempero de saladas.
Na aromoterapia o chá deve estar mais forte e ser adicionado à água na banheira. Para cada litro de água, adicione oito colheres de chá. O chá deve ser feito adicionando quatro colheres de sopa de folhas de erva-cidreira para cada um litro de água. Deve ser tomado ao longo do dia.
Além de ser saboroso e aromático, o chá preparado com suas folhas tem amplo emprego nas práticas caseiras da medicina popular e, assim, tem sido motivo de estudos químicos, farmacológicos e clínicos visando sua validade como medicamento eficaz e seguro.

3 comentários:

Anônimo disse...

Eu ja gostava de chazinho de esva-cidreira,agora então....

Ótima dica!

Lucena Fernandes disse...

Gosto muito do chá. Mesmo tendo problema na tiróide, sempre tomo uma xícara dele quentinho!

Suely disse...

É uma delicia!Tomo gelado nesse calor do RN!