quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Um apocalipse chamado Apophis


O jovem coreano Sung Wook Paek, estudante de mestrado do Departamento de Aeronáutica e Astronáutica do célebre Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) acaba de ganhar US$ 25 mil por vencer a competição Desvie um Asteroide 2012, criada para resolver um problema potencialmente grave: desviar o asteroide 99942 Apophis.
Ele imaginou uma missão para pintar o asteroide e salvar nosso planeta. O plano ousado e premiado de um estudante para salvar a Terra da trágica colisão com um asteroide. Ele imaginou uma missão para pintar o asteroide e salvar nosso planeta.
O Apophis foi descoberto em 2004, quando recebeu a designação provisional de 2004 MN4. Ele orbita o Sol entre Vênus e a Terra, às vezes mais para lá ou mais para cá. O asteroide passará perto da Terra em 2029 e 2036. Existe a chance de que, em 2029, a gravidade terrestre altere seu curso e o desvie para um impacto direto em 2036. Sua queda teria o potencial de arrasar uma cidade como São Paulo.
Sua órbita foi calculada no ano seguinte e, então, recebeu o número permanente 99942 e também o nome Apophis, nome grego do inimigo de Rá: Apep, o Descriador, uma serpente que se esconde nas escuridões eternas do Duat, o meio da Terra, e tenta engolir Rá durante sua passagem noturna.
Já causou um breve período de preocupação em dezembro de 2004 porque as observações iniciais indicavam uma probabilidade pequena (até 2,7%) de que ele iria atingir a Terra em 2029. Observações adicionais melhoraram as predições e eliminaram a possibilidade de um impacto na Terra ou na Lua em 2029.(Clique sobre a figura pra ler mais informações)
Fonte: ÉPOCA - 09/01/2013 (http://revistaepoca.globo.com/diagrama/noticia/2013/01/paintball-no-espaco.html)

Nenhum comentário: