segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Momento lírico 122


COMO É LINDO!
(Karl Fern)

Como é lindo o seu sorriso
Quando vem me encontrar
Louquinha pra me apertar
Cativante e no improviso
É tudo que mais preciso
Pra meu corpo confortar.

Como é lindo o seu olhar
Com esse brilho de paixão
Repleto de pura afeição
Pra minha alma chocalhar
O meu íntimo se orvalhar
Esvaindo-me em emoção.

Como é lindo o seu abraço
Cingindo-me com alegria
Estimulando minha ousadia
Envolvendo sem cansaço
Perfumando todo o espaço
Com avassaladora energia.

Como é lindo o seu beijar
Sublime e deliciosa loucura
Casta, maravilhosa e pura
Que me leva a planejar
A todo momento ensejar
Nunca perder essa ventura.

Como é lindo ouvir de você
Jurando que muito me ama
Ouvindo quando me chama
Pra me dizer o seu porquê
De como se sente a mercê
Desse amor que te inflama.

Como é lindo sentir o cheiro
Quando toco seus cabelos
Cuidados com tantos zelos
Sua nuca o cantinho primeiro
Onde chego suave e certeiro
Pra prosseguir meus apelos.

Como é lindo ver os segredos
Escondidos neste corpinho
Toca-los com máximo carinho
Despi-los de todos os medos
Realçar como belos enredos
Até o mais nobre cantinho.

Como é lindo ver sua figura
Meu corpo o seu pedindo
Sentir  sempre lhe atraindo
Como uma mimosa pintura
Preciosa e perfeita gravura
Ser feliz assim, COMO É LINDO!

2 comentários:

Anônimo disse...

Como é lindo!!! Parabéns Carlão você sempre nos encantando com todo esse romantismo, que é comum entre poetas!

Parabéns por mais essa obra!

Lucena Fernandes disse...

Lindo demais! Até a foto que ilustra está perfeita!
Parabéns meu amigo!