sábado, 2 de junho de 2012

Sobre o bocejo

Primeiramente sempre bocejamos quando estamos com sono. Em geral o bocejo acontece em situações de tédio, fadiga ou cansaço. O bocejo é uma ação involuntária, na qual abrimos a boca e respiramos fundo. Até hoje, não se sabe exatamente o que provoca o bocejo, embora haja várias teorias para explicar por que bocejamos, todas hipotéticas e nenhuma com comprovação científica. 
Quando abrimos a boca em bocejo absorvemos uma grande quantidade de ar, o que estimula ainda mais o sono. Bom, outro fator do bocejo também pode ser por causa de irritabilidade, quando estamos sensíveis e agitados, assim também ansiosos ou nervosos. Mas isso depende muito de cada pessoa e de cada situação.
Biologicamente o bocejo provoca o aumento do ritmo do batimento cardíaco, elevando-o em até 30%. Segundo estudiosos começamos a bocejar ainda como fetos, às 11 semanas de vida. Vários animais, tais como felinos, cachorros e peixes, por exemplo, também bocejam.
Outro aspecto interessante e muito misterioso para a ciência é que, quando vemos e ouvimos alguém bocejar ou lemos algo sobre o tema, existe uma grande probabilidade de bocejarmos também. Completamente inexplicável!
Fonte (ilustração) BLOG ERRE DE RUDSON (http://errederudson.blogspot.com.br/2008/05/bocejo.html)

Um comentário:

Lucena Fernandes disse...

Bocejamos sim e às vezes se torna até constrangedor.