terça-feira, 20 de março de 2012

Momento lírico 02

                
       QUADRINHAS PARA UM AMOR SECRETO
                       (Por Karl Fern)

.
Não sei se pareço tonto
Querer-lhe com tal ardor,
Se me perguntam, não conto,
Pra quem é todo esse amor.
     A distância me entristece,
     Parece-me ser infinita!
     Quando você reaparece
     Volta sempre mais bonita.
Faz-me mal a sua ausência!
Meu rumo vai se perdendo.
Falta-me a sua essência,
Sua luz me envolvendo.
     Sua presença me acalma,
     Me prende a respiração.
     Seu amor me toma a alma,
     Incendeia-me de emoção.
Me consolo em devaneio
Lembrando dos seus segredos.
Canções de amor ponteio
Na imaginação em meus dedos.
     Talvez não consiga ver
     Por não ser capaz de medir,
     A noção do meu querer,
     Mas você há de sentir.
Sua imagem fascinante,
Enfeitiça a minha mente.
Seu perfume penetrante
Envolve-me suavemente.
     Não condenem esse querer,
     Essa afeição delirante.
     Talvez ninguém possa crer
     O quanto é alucinante.
Os tentáculos da sedução
Em mim foram entranhados,
Fincaram-se em meu coração
No meu peito enraizados.
     Na verdade eu te desejo,
     Lhe venero noite e dia,
     Não esqueço do seu beijo
     Desse corpo de fantasia
Se a noite você chegar
E quiser ir ao amanhecer
Imploro pra você ficar
Não me volte a entristecer.

     Paixão assim é da sorte
     Pra quem tem a felicidade
     De conhecer antes da morte
     O prazer da eternidade.

5 comentários:

Anônimo disse...

Romântico Demais, Apaixonante, comovente!!

Amo de paixão!

Anônimo disse...

Fascinante! Sob medida!

Professor Carlão disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Professor Carlão disse...

Mandaram-me este comentário, mas a moderação falhou e eu estou republicando-o:
>>>
Anônimo deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Momento lírico 02":
Fascinante! Sob medida!
>>>
Obrigado pela participação!

Lucena Fernandes disse...

Estou procurando e lendo todos os poemas, desde o número 01. Cada um melhor que o outro.